segunda-feira, 17 de junho de 2013

A Mónica, em "A Madalena e eu"

Só para aguçar a curiosidade...

Está certo. Eu estava irritada, era um daqueles dias em que me apetecia despedaçar o mundo em mil bocados… O cabelo espetava em todas as direções, a Alice não tinha tirado as nódoas do meu top predileto, os ténis estavam sujos de lama e nascera-me uma borbulha horrorosa, daquelas que têm uma cabeça branca gigantesca, mesmo por cima do lábio… Mas havia pior, o Mister, nessa manhã de sábado, não parava de ladrar, pois avistara um gato em cima do muro do jardim e ficou cá num desassossego, que nem vos digo! Alternava o ladrar e a inquietação com o ganir da fúria, lambendo os beiços de vontade… 

Sem comentários:

Publicar um comentário